Romeiros terão apoio da Sespa durante o Círio de Nazaré

A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), por meio do 1º Centro Regional de Saúde (CRS), em parceria com a Cruz Vermelha e a Diretoria do Círio, atuará nas procissões do Círio de Nazaré, com profissionais de saúde para atender a população que necessite de atendimento de primeiros socorros. O apoio médico aos romeiros começa nesta quarta-feira, 4, no transporte dos carros para a Companhia Docas do Pará (CDP) e vai até o Recírio, no dia 23.

A Sespa estará responsável por oito postos na Trasladação e nove no Círio, todos com apoio de uma ambulância e com multiprofissionais da área de saúde, como médicos, enfermeiros, técnicos e socorristas, que realizarão atendimentos de primeiros socorros e remoções para os hospitais de retaguarda, quando houver necessidade.

“Durante o Círio, estaremos envolvidos em 13 operações, durante as 13 procissões da Quadra Nazarena, com a participação de 416 pessoas, divididos entre a Trasladação, Círio e outras procissões”, informou Luciana Barbosa, coordenadora de eventos do 1º CRS.

De acordo com a coordenadora, a Sespa também distribuirá folhetos informativos e manterá disponíveis medicamentos e material técnico para atendimento em todos os postos, que funcionarão em média três horas antes do início das procissões e três horas após o término.

Antes das procissões começarem, duas reuniões com os técnicos e enfermeiros serão realizadas para serem informadas as orientações gerais sobre o evento e funcionamento das equipes. “Vamos trabalhar no socorro de nossos fieis promesseiros e daremos todo o apoio e assistência necessários”, disse Luciana.

Além das ambulâncias da Sespa, a Cruz Vermelha do Pará vai disponibilizar 28 motocicletas. “Estaremos com 3.820 voluntários dando apoio na procissão do Círio, cerca de 1.500 na Trasladação e 6.500 no total das procissões”, acrescentou Carlos Moraes, assessor de comunicação da Cruz Vermelha do Pará.

Apoio – O Instituto Nacional de Desenvolvimento Social e Humano (INDSH) que administra hospitais públicos no Pará, também participará do apoio com a disposição de profissionais da saúde para atendimento à romeiros, durante a Trasladação e Círio de Nazaré, no Posto montado na Companhia das Docas do Pará (CDP), onde haverá médicos, enfermeiros e técnicos para atendimentos de primeiros socorros e, se necessário, transferência para os hospitais de retaguarda.

Reforço – O Corpo de Bombeiros vai reforçar as operações com 777 militares durante as romarias, missas e procissões que fazem parte da quadra nazarena do Círio. O efetivo de Bombeiros na trasladação será de 170 militares e na procissão do Círio de 190, que atuarão na prevenção contra incêndios e no atendimento de emergências.

* Com informações da Assessoria de Comunicação do Corpo de Bombeiros, Cruz Vermelha do Pará e INDSH.

Por Carla Fischer

Você pode gostar...