Caminhada no Utinga encerrará Campanha Março Lilás

Uma grande caminhada a ser realizada, neste sábado (30) às 7h, no Parque Estadual do Utinga, marcará o encerramento da Campanha “Março Lilás por todo o Pará – Prevenção e Controle do Câncer do Colo do Útero”, que, durante todo este mês chamou a atenção da população feminina sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer do colo do útero.

Denominada de “Caminhada da Prevenção”, o evento está sendo organizado pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) em parceira Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel) e Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (Ideflor-Bio). Para participar, basta que os interessados compareçam no Parque do Utinga, pois não haverá inscrição antecipada. A concentração será no estacionamento do Ideflor-Bio. Os primeiros inscritos terão direito a uma camisa alusiva ao evento.

Segundo a coordenação de Atenção Oncológica da Sespa, a finalidade da caminhada é incentivar as mulheres à prática de atividade física como medida preventiva de doenças e a melhorar a sua qualidade de vida.

Durante toda a programação, a Sespa vai disponibilizar exame de glicemia capilar, aferição de pressão arterial e vacinação contra HPV para meninas de 9 a 14 anos de idade e meninos de 11 a 14 anos de idade. E, após a caminhada, realizará uma roda de conversa com as mulheres sobre “Prevenção do Câncer de Colo do Útero” e prestará uma homenagem a mulheres que tiveram câncer uterino e conseguiram superar a doença.

Além da caminhada e da aula de ginástica conduzidas pela equipe da Seel, os participantes também poderão visitar a Feira da Árvore, organizada pelo Ideflor-Bio, no Centro de Acolhimento do Utinga, com a venda de produtos oriundos de árvores.

Março Lilás – As principais ações da Campanha Março Lilás são a busca ativa de mulheres de 25 a 64 anos de idade para realizarem o exame preventivo do câncer do colo do útero (PCCU) nas unidades de saúde; estímulo à vacinação contra HPV e a realização de mutirões de procedimentos de diagnóstico e tratamento de lesões precursoras do câncer de colo uterino, por meio de consultas especializadas, colposcopia, biópsia e exérese de zona de transformação do colo do útero (EZT).

A meta deste ano é realizar cerca de 250 mil exames preventivos do câncer do colo do útero, visando ao alcance de 40% do indicador de saúde 11, que é a razão de exames citopatológicos do colo de útero em mulheres na faixa etária de 25 a 64 anos, pois em 2018, mais de 100 mil exames deixaram de ser realizados. O exame preventivo é a principal estratégia para detectar lesões precursoras do câncer e pode ser feito em unidades de saúde da rede pública que tenham profissionais capacitados para isso, já que o material só pode ser colhido por um profissional enfermeiro.

Serviço: a Caminha da Prevenção será realizada dia 30 de março (sábado), às 7h, no Parque do Utinga. O acesso será pela antiga entrada do parque,  onde fica a sede do Ideflor. Quem quiser pode vestir camisa branca ou lilás.

Texto: Roberta Vilanova

 

Você pode gostar...