Respiradores e bombas de infusão são distribuídos para o interior do Pará

Foram enviados 10 respiradores para Marabá, 10 para Santarém e cinco para Breves, além das bombas de infusão

O Governo do Pará embarcou 25 respiradores e bombas de infusão, na manhã desta segunda-feira (4), para atender os Hospitais de Campanha de Santarém, Marabá e Breves. O titular da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme), Adler Silveira, acompanhou o embarque dos equipamentos no Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp) com destino ao interior do Pará.

“Estamos fazendo o embarque de respiradores e bombas infusoras destinados ao interior do Pará. Enviamos 10 respiradores para Marabá, 10 para Santarém e cinco para Breves, além das bombas de infusão. Seguimos trabalhando para superar este momento de pandemia”, informou o secretário. Os equipamentos vão permitir a instalação de novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em hospitais públicos do Estado para atender pacientes com Covid-19.

Na madrugada desta segunda-feira, o Governo do Pará recebeu cerca de 139 respiradores e 1.600 bombas de infusão, comprados da China em março deste ano. A distribuição dos 139 respiradores atenderá Belém, Santarém, Marabá, Breves e Capanema.

Serão destinados 80 respiradores para o Hospital de Campanha de Belém e 30 para o Hospital Galileu, na Região Metropolitana de Belém. Dez respiradores vão para o Hospital de Campanha de Santarém; 10 para o Hospital de Campanha de Marabá; 5 para o Hospital de Campanha de Breves e 4 para o Hospital de Capanema. 556 bombas de infusão vão acompanhar os respiradores.

Ao todo, o Governo do Estado investiu R$ 100 milhões para a compra dos 400 kits de UTI da China, que contém 400 respiradores, 400 monitores multiparamétricos, 400 oxímetros de pulso e 1.600 bombas de infusão. Os respiradores e bombas de infusão restantes estão previstos para sair da China no dia 9 de maio rumo a Belém.

Texto: Giovanna Abreu/Secom

Foto: Marco Santos

Você pode gostar...