Chega a Juruti a usina de oxigênio que abastecerá o Hospital 9 de Abril

Momento em que a usina foi descarregada no porto de Juruti

A usina de oxigênio que vai abastecer o Hospital 9 de Abril na Providência de Deus chegou ao município de Juruti, no Oeste do Pará, na tarde deste sábado (20). Um dos três hospitais de referência para o tratamento da doença na região, o “9 de Abril” conta com 25 leitos exclusivos para pacientes de Covid-19, sendo 10 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 15 leitos clínicos.

A previsão é que o equipamento entre em operação nos próximos dias. Funcionários da própria Alcoa trabalham na fundação e instalação. Quando estiver em pleno funcionamento, a usina será capaz de produzir em torno de 20 metros cúbicos de oxigênio por hora, o que representa uma média de 50 cilindros de oxigênio por dia.

Adquirida pela mineradora Alcoa Juruti, a usina resulta da parceria com o governo do Estado, Prefeitura de Juruti e Ministério Público. É mais uma estratégia de combate à pandemia de Covid-19 no Oeste do Pará, que vive a segunda onda de contágio da doença.

A usina saiu do interior de São Paulo, passou por Manaus e chegou a Juruti neste sábado

Logística – Para que a usina chegasse a Juruti foi necessária uma logística rodoviária, aérea e fluvial. Primeiramente, o equipamento saiu do interior de São Paulo por estrada até o Aeroporto Internacional de Guarulhos. De lá, foi transportado de avião até Manaus (AM). O último trecho foi feito por uma embarcação, que saiu na última sexta-feira (19) da capital amazonense, chegando a Juruti no início da tarde deste sábado.

“Sabemos das dificuldades que é uma logística aqui para região. Por isso, foi feito um trajeto rodoviário, aéreo e fluvial, para que a usina chegasse até aqui. Essa usina é locada e ficará no Hospital por tempo indeterminado. Essa estratégia visa trazer estabilidade para o sistema de saúde de Juruti, que está atendendo pacientes não só da cidade, mas da região da Calha Norte”, informou Gênesis Costa, gerente-geral da Alcoa Juruti.

O Hospital 9 de Abril será abastecido com oxigênio produzido pela usina

Reforço – Para a diretora administrativa do Hospital 9 de Abril, Roseana Nobre, a chegada da usina é de suma importância não só para o município de Juruti, mas para toda a região do Baixo Amazonas, reforçando o enfrentamento à Covid-19.

“Estamos realizando um sonho. Nós temos aqui no Hospital leitos de UTI e clínicos para atendermos toda a região. Essa usina é mais um instrumento para o combate à Covid-19. Sabemos da realidade de logística da nossa região, da dificuldade de acesso das comunidades e das outras cidades também. Essa usina estando aqui é um instrumento de muita importância. Nós agradecemos ao governo do Estado; à Alcoa, por todo apoio que tem dado e por ter feito com que essa usina chegasse até aqui; à prefeitura e a todo mundo que está trabalhando, empenhado para que a gente possa vencer essa pandemia”, ressaltou.

Texto: Ana Thaynara/Secom

Fotos: Pedro Guerreiro/Ag. Pará

Você pode gostar...