Estado mantém atendimento de Covid-19, nas Policlínicas no Hangar e Mangueirinho

No estacionamento do Hangar, a Policlínica realizou 33.948 atendimentos, de 31 de outubro de 2020, até o sábado, 8 de maio deste ano

As policlínicas localizadas no estacionamento do Hangar – Centro de Convenções, e na Arena Guilherme Paraense (Mangueirinho), em Belém, prosseguem atendendo casos suspeitos, leves e moderados da Covid-19 e de outras síndromes gripais, de segunda a sexta-feira, de 8h às 17h, e aos sábados, de 8h às 13h. Esses dois pontos não abrem aos domingos.

Medida tomada pelo Governo do Estado, desde o início da pandemia da Covid-19, as policlínicas têm garantido o atendimento à Saúde de pessoas com casos suspeitos da doença, e evitado o agravamento da doença e a consequente internação hospitalar.

Para ser atendido nesses locais, o paciente não precisa de encaminhamento, basta levar um documento de identificação oficial. Caso o paciente apresente sintomas mais severos, como falta de ar, a recomendação é que busque imediatamente atendimento nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e prontos-socorros, atrelados às prefeituras, que são a porta de entrada para a assistência à doença.

Para o secretário de Saúde do Pará, Romulo Rodovalho, as estratégias criadas pelo Governo do Estado, voltadas para o enfrentamento da Covid-19, com o advento das policlínicas, são formas de amenizar as internações hospitalar, por meio da atenção a casos leves e moderados ainda no estágio inicial da doença.

“Por mais que o resultado seja negativo para Covid, todos devem continuar mantendo as recomendações de distanciamento social, a higiene constante das mãos com álcool em gel e o uso da máscara”, enfatiza o titular da Sespa.

Ele reforça ainda que, mediante o período chuvoso pelo qual o Pará, ainda passa, é fundamental que a população evite frequentar ambientes fechados, com pouca circulação de ar e muitas vezes aglomerados. “Essas condições são propícias para transmissão de vírus respiratórios, como é o caso da própria Covid-19”, alertou.

Para atendimento no Hangar e Mangueirinho, o paciente não precisa de encaminhamento, basta levar um documento de identificação

Com 33.948 mil atendimentos realizados entre 31 de outubro do ano passado e 08 de maio deste ano, a Policlínica Itinerante instalada no estacionamento do Hangar tem acesso pela avenida Brigadeiro Protásio de Oliveira, entre as avenidas Doutor Freitas e Júlio César. No local, a média tem ficado em torno de 130 atendimentos diários e a capacidade é de até 300 consultas.

No Mangueirinho, ativado no dia primeiro de março deste ano, já foram atendidas 10.660 mil pessoas até 08 de maio. Com capacidade para atender até 300 pessoas diariamente, tem registrado uma média de 120 consultas ao dia.

SERVIÇO : A unidade do Mangueirinho “Arena Guilherme Paraense” é localizada anexa ao Mangueirão, portão 05, na avenida Augusto Montenegro, S/N, Km 03. Nesse ponto, os atendimentos prosseguem das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira, e aos sábados, das 8h às 13h.

A unidade da Policlínica Itinerante, no estacionamento do Hangar, na avenida Doutor Freitas com a avenida Brigadeiro Protásio, em Belém, os atendimentos prosseguem das 8h às 17 horas, de segunda a sexta-feira, e aos sábados, das 8h às 13h.

Texto: Mozart Lira/Sespa
Fotos: Pedro Guerreiro/Ag. Pará

Você pode gostar...