Governo oferece serviços de cidadania e saúde no Terminal Hidroviário de Belém

Programação aproveitou a movimentação dos paraenses às vésperas do Círio

Às vésperas do Círio de Nazaré 2020, o Governo do Estado, por meio da Fundação ParáPaz, em parceria com a Secretaria de Saúde (Sespa) e Polícia Civil, realiza, na manhã desta sexta-feira (9), uma ação estratégica com a oferta de serviços gratuitos de cidadania e saúde no Terminal Hidroviário de Belém.

Segundo o presidente da ParáPaz, Sidney Gouvêa, é uma tradição o deslocamento dos paraenses que moram no interior para festejar o Círio com os familiares na capital e, mesmo com o cancelamento das procissões presenciais, é possível verificar maior movimentação no Terminal. “Realizamos essa ação para aproximar e facilitar o acesso a serviços essenciais para a população paraense”, assegura.

A ação garantiu vacinas contra sarampo e H1N1; teste rápido para HIV, Sífilis e Hepatites virais; consultas médicas; emissão de RG; orientação sobre saúde bucal e escalpelamento; oficina de cartonagem; oficina de designer de sobrancelhas; blitz informativa sobre o autocuidado e conscientização do câncer de mama e encaminhamentos para o exame de mamografia.

O mototaxista Rosemiro dos Santos, que trabalha diariamente nas proximidades do Terminal, afirma ter dificuldade de parar o serviço para ir atrás de uma consulta na correria do dia. “É muito importante o Governo oferecer esses serviços de graça para a população e aqui no Terminal, que passa muita gente. Já verifiquei minha pressão arterial e glicose, enquanto aguardo a consulta”, conta.

Entre outros serviços, ação ofertou vacinas contra sarampo e H1N1, além de encaminhamentos para o exame de mamografia

Aproveitando a movimentação mais intensa por conta da festividade, dentro da ação foi realizada uma programação especial, com referência ao Outubro Rosa, dedicada às mulheres. Elas receberam orientações, participaram de ações preventivas e de detecção precoce do câncer de mama.

Segundo a coordenadora estadual de Saúde da Mulher da Sespa, Nicolli Vieira, o papel do órgão na ação é trabalhar no rastreamento de mulheres que estão na faixa etária prioritária, de 50 a 69 anos, não sintomáticas, que realizaram mamografia há pelo menos dois anos ou que nunca realizaram. “O câncer de mama, atualmente, apresenta o maior índice de casos novos no Estado e estamos trabalhando justamente para diminuir esse número”, explica.

“Aqui transitam muitas mulheres de baixa renda que não tem fácil acesso a esses serviços no interior. Com essa ação, elas já podem consultar e sair daqui com o exame de mamografia marcado, por exemplo” – Vanessa Moura, gerente do polo ParáPaz Hidroviário.

A recepcionista Sara Lopes, de 53 anos, que faz parte do grupo prioritário, foi uma das mulheres que saiu com o exame agendado e aprovou a ação. “O atendimento foi rápido e já estou saindo com o meu exame de mamografia marcado para a próxima quarta-feira. Estou muito feliz em conseguir pra tão perto o exame”, comemora.

A cozinheira Yolanda Silva, que estava aguardando sua irmã chegar para o Círio, ficou feliz com a oportunidade de participar da ação. “É normalmente muito demorada a marcação de uma mamografia. Já tive nódulos na mama e sei como não é fácil. A população precisa muito de ações maravilhosas como essa”, afirma.

Texto: Giovanna Abreu/Secom

Fotos: Marcelo Seabra/Ag. Pará

Você pode gostar...