Hospital Regional do Baixo Amazonas lança Campanha “Outubro Rosa e Novembro Azul”

Hospital Regional do Baixo Amazonas lança Campanha “Outubro Rosa e Novembro Azul”

8 de outubro de 2021 Off Por Roberta Vilanova

Outubro Rosa e Novembro Azul Os cuidados com a prevenção acontecem o ano todo

O Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), em Santarém, realizou nesta semana a abertura da Campanha “Outubro Rosa e Novembro Azul: Os cuidados com a prevenção acontecem o ano todo”. Seguindo as recomendações dos órgãos de saúde, a cerimônia, realizada no auditório do hospital, teve o número de participantes limitado, mas contou com a presença de diretores, profissionais do hospital, representantes do Governo do Pará e Associação Amigos do Peito, que mantém a Casa Rosa e o Grupo Mulheres Vitoriosas.

A união das duas campanhas tem como objetivo conscientizar a população sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce dos cânceres de mama e de próstata.

O HRBA recebe da Câmara de Vereadores de Santarém uma placa de reconhecimento pelo empenho e dedicação na luta contra o câncer de mama

Especializado em casos de média e alta complexidades, o HRBA é referência em atendimentos de oncologia na região Norte do País. Apontado como um dos dez melhores hospitais públicos do Brasil, a unidade recebeu da Câmara de Vereadores de Santarém, na tarde de terça-feira (05), uma placa de reconhecimento pelo empenho e dedicação na luta contra o câncer de mama.

Atendendo a uma população de 1,3 milhão de pessoas residentes em 30 municípios da região, o Regional realiza atualmente o tratamento de 316 mulheres diagnosticadas com câncer de mama, sendo 50 novos casos registrados este ano. Em relação ao câncer de próstata, são 65 pacientes em atendimento, com 27 novos casos em 2021.

“Sabemos que quando detectado em estágio inicial, o câncer tem uma chance muito grande de cura. É muito importante estar atento aos fatores primários, já que mais de 30% dos casos de câncer de mama podem ser impedidos de acontecer com a adoção de hábitos saudáveis”, reforça a médica onco-hematologista do HRBA, Kalysta Borges.

Já o urologista Alberto Tolentino destaca uma percepção positiva de mudança em relação ao comportamento masculino. “O receio dos homens em fazer o exame da próstata parece estar diminuindo. Hoje sentimos uma adesão maior, graças às seguidas campanhas de conscientização e às mulheres que incentivam e levam seus maridos para cuidar da saúde. O diagnóstico precoce é decisivo para aumentar as chances de cura”.

Benilza Miranda, 38 anos, faz tratamento contra o câncer de mama há três anos e compartilha um pouco de sua história

Atendimentos – Benilza Miranda, 38 anos, faz tratamento contra o câncer de mama há três anos e compartilha um pouco de sua história. “Eu senti o nódulo aos 30 anos, mas como sou jornalista e assistente social, sempre me dediquei ao outro. Fui cuidar de mim apenas aos 34 anos, quando descobri o câncer por causa de uma conjuntivite e precisei operar com urgência”.

A paciente é uma das coordenadoras do grupo Mulheres Vitoriosas, que já possui cerca de 130 membros. “São guerreiras que se conheceram no HRBA, que passaram ou estão passando pelo tratamento oncológico e que precisam de força, carinho, afeto e esclarecimentos sobre a doença”, explica Benilza.

Somente neste ano, até setembro, o Hospital Regional do Baixo Amazonas já realizou mais de 800 cirurgias oncológicas, 10,6 mil sessões de quimioterapia e 28,5 mil sessões de radioterapia. A unidade, pertencente ao Governo do Estado do Pará, e gerenciada pela entidade filantrópica Pró-Saúde desde 2008, é certificada pela Organização Nacional de Acreditação com o nível máximo de qualidade, a ONA 3 – Acreditado com Excelência.

“Acima de quaisquer números, falamos de milhares de vidas salvas pelos nossos profissionais. Sabemos que apesar das vitórias, ainda temos desafios e seguiremos atuando com dedicação para prestar uma assistência humana e de qualidade”, destaca o diretor Hospitalar, Hebert Moreschi.

Decoração especial – Desde o dia 1º de outubro, a fachada do HRBA está iluminada na cor rosa e, nesta quinta-feira (07) foi realizado o “Dia D”. Com todos os colaboradores vestindo rosa e azul, a unidade formou um grande laço humano, para chamar atenção da sociedade quanto à prevenção dos dois tipos de câncer. Entre as atividades serão realizadas ainda rodas de conversa com pacientes oncológicos, palestras com orientações e ações de valorização da saúde.

Campanha Outubro Sempre Rosa da Pró-Saúde – A Pró-Saúde, uma das maiores entidades filantrópicas de gestão hospitalar do país, também está promovendo a campanha “Outubro Sempre Rosa”, que busca enfatizar a necessidade de promover ações preventivas contra o câncer de mama ao longo do ano.

Neste ano, a entidade lançou um e-book gratuito sobre câncer de mama, que oferece informações sobre o panorama geral da doença no Brasil e no mundo. O material aborda questões como o impacto da pandemia no diagnóstico e tratamento e ainda conecta os leitores a outros tipos de conteúdo, como vídeos no YouTube e reportagens.

Com 20 páginas, o e-book também conta com uma seção de dúvidas frequentes, cuja edição contou com a colaboração da médica oncologista Kalysta Borges, do Hospital Regional do Baixo Amazonas. Para fazer o download, acesse: https://bit.ly/3mx5F0K

Texto: Ascom/HRBA