Hospital Regional Público do Marajó garante cuidados específicos com recém-nascidos

Hospital Regional Público do Marajó garante cuidados específicos com recém-nascidos

15 de outubro de 2021 Off Por Roberta Vilanova

Em rodas de conversa, profissionais do HRPM transmitem conhecimento às mães

Referência na oferta de assistência de média e alta complexidade, o Hospital Regional Público do Marajó (HRPM), no município de Breves, no Arquipélago do Marajó, oferece várias especialidades e serviços, como obstetrícia, pediatria e maternidade 24 horas, com Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTI/NEO). E para melhorar cada vez o atendimento a esses pequenos usuários, a gestão hospitalar desenvolve ações em educação em saúde, para orientar as puérperas a cuidar com mais segurança dos recém-nascidos, especialmente após alta clínica. Para tanto, são realizadas rodas de conversa com as mães de bebês internados na UTI/NEO.

De acordo com a enfermeira Márcia Onívia da Silva, que atua na UTI/NEO, os pais precisam dedicar muito tempo à criança, por ser frágil e precisar de atenção adequada. “Por isso, alguns cuidados básicos são essenciais para manter o conforto do recém-nascido e garantir que ele cresça forte e saudável, com alguns cuidados: alimentar corretamente, mudar a fralda e saber dar banho com segurança, além dos cuidados para evitar ou saber socorrer em casos de asfixia ou sufocação, que está relacionada à dificuldade respiratória que leva à falta de oxigênio no organismo”, alertou a profissional.

Orientações – No Hospital Regional Público do Marajó, a dona de casa Josilene Melo de Souza, 25 anos, aprovou a iniciativa. Residente no Rio Laguna, distrito do município marajoara de Melgaço, ela é mãe de primeira viagem e acompanha o tratamento de seu bebê, que foi diagnosticado com mecônio, devido a complicações na hora do parto.

“Eu achei muito legal, porque a enfermeira nos ensina como a gente pode dar banho no bebê de forma correta, até mesmo para evitar que aconteça algum tipo acidente na hora do banho. E as demais orientações só vêm somar pra gente, que é mãe”, disse Josilene, mãe de Michel de Souza, que nasceu no Hospital Municipal de Breves e foi transferido ao HRPM para tratamento.

Enfermeira Márcia Onívia da Silva, que atua na UTI Neonatal do HRPM

Segundo a enfermeira Márcia Onívia da Silva, quando as mães são orientadas sobre os cuidados com os recém-nascidos, o risco de erros ou acidentes é menor. “Nós orientamos sobre cuidados básicos, que será executado pelas mães em casa. Um banho correto, uma troca de fralda correta, isso tudo para o conforto do bebê. Isso é bom pelo fato de as mães levarem orientações corretas para dentro de suas casas e, assim, uma vai ensinando para outras mães. A necessidade desses conhecimentos redobra sua importância, quando as mães têm seus bebês na UTI. Elas também precisam de orientação após alta”, ressaltou.

Josilene Melo de Souza aprovou as orientações

O Hospital Regional do Marajó presta assistência de média e alta complexidade, entre elas assistência na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal. De janeiro a setembro deste ano, a equipe multiprofissional do HRPM garantiu o atendimento de 77 internações na UTI/NEO, além de 261 partos, entre normais e cesáreas.

Serviço: O HRPM é uma unidade de saúde do governo do Estado, administrada pelo Instituto Nacional de Desenvolvimento Social e Humano (INDSH), em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). A unidade dispõe de atendimento ambulatorial de segunda a sexta-feira, das 7 às 17 h. O Hospital fica na Avenida Rio Branco, 1.266, no bairro Centro, município de Breves. Mais informações: (91) 3783-2140 / 3783-2127.

Texto: Lucas Brilhante/HRPM

Fotos: Divulgação