Pacientes do Hospital Abelardo Santos já falam com familiares por videochamada

Pacientes se emocionam ao conversar com parentes internados no Hospital

O contato entre pacientes internados em leitos clínicos do Hospital Regional Abelardo Santos (HRAS), em Icoaraci, e seus familiares, passa a ser feito também via videochamada, a exemplo do que já vem sendo feito no hospital de campanha do Hangar. Só na manhã desta quarta-feira (6), foram realizados 56 contatos entre parentes e seus familiares internados no HRAS. Eles também tiveram acesso aos boletins médicos sobre a evolução dos quadro clínicos de cada um dos internados.

De acordo com o diretor de Projetos do Hospital de Campanha de Belém, Marcos Atual, os contatos diários além de permitir o acompanhamento do processo de recuperação, também contribui para a melhora do quadro de saúde dos pacientes.

“Quando o familiar vai ao hospital e busca a tenda para saber notícias da recuperação da pessoa que procura, lhes é oferecido a oportunidade da videochamada. Para esse momento, é feito o encaminhamento para uma sala climatizada, livre de ruídos e barulhos, para que a transmissão seja feita”, explica.

Quadro de saúde dos internados tem evoluído após o contato com os parentes

A chamadas podem ser feitas de manhã e a tarde, entre 8h e 18h, e a equipe conta com seis pares de tablets que proporcionam a interação.

O titular da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), Alberto Beltrame, afirma que o uso da tecnologia promove a proximidade entre aqueles que, temporariamente, precisam ficar afastados. “A videochamada ou a televisita leva carinho, afeto, respeito e sobretudo o conforto para famílias e pacientes internados. É uma forma de humanizar o tratamento e levar um pouco mais de atenção a quem sofre diante de um momento tão delicado”, atesta.

Texto: Carol Menezes/Secom

Fotos: Marcelo Seabra/Ag. Pará

Você pode gostar...