Saúde mental da juventude de Breves, no Marajó, é tema de encontro entre Sejudh e Sespa

Equipes da Sejudh e Sespa em reunião sobre as ações em Breves

A saúde mental da juventude do Estado foi tema do encontro desta sexta-feira (19) entre a Gerência de Promoção dos Direitos da Juventude e a Coordenadoria de Monitoramento dos Direitos Violados, vinculadas à Secretaria de Justiça e Direitos Humanos do Pará, e diversas coordenações da Secretaria de Estado de Saúde.

A reunião ocorre após uma ação promovida pela Sejudh com a juventude da cidade de Breves, no Marajó, pela campanha Janeiro Branco, de atenção à saúde mental. Na ocasião, as demandas locais foram ouvidas e agora estão sendo discutidas pelos órgãos.

A Gerência de Promoção dos Direitos da Juventude estimula a ampla participação juvenil na formulação, implementação e avaliação de políticas para esse segmento, além de ampliar as alternativas de inclusão social dos jovens, promovendo programas que priorizem o seu desenvolvimento integral e participação ativa nos espaços decisórios.

Já a Coordenadoria de Monitoramento dos Direitos Violados é uma das portas de entrada da Sejudh e monitora as denúncias de violação de direitos no Pará.

De acordo com o gerente da GPDJ, Flávio Moreira de Paula, a Sejudh está atenta às questões relacionadas à saúde mental dos jovens paraenses.

“Os desdobramentos dessa reunião serão benéficos para as nossas juventudes e para o desenvolvimento de nossos sujeitos”, disse ele.

Texto: Gerlando Klinger/Sejudh

Você pode gostar...