Governo atende mais de 500 pessoas em Belém e Ananindeua durante Ação Itinerante

Moradores dos bairros Pedreira e Guamá, em Belém, e Maguari, em Ananindeua, todos na Região Metropolitana, recebem os serviços da Ação Itinerante que acontece desde o último sábado (30) e segue até a próxima terça-feira (2). Os bairros foram selecionados a partir do número de casos registrados de Covid-19. A iniciativa já atendeu mais de 500 pacientes nos três locais.

Os atendimentos na Ação Itinerante seguem o mesmo padrão já realizado no Hospital Abelardo Santos e Policlínica Metropolitana. Os pacientes passam por uma triagem, recebem atendimento médico, e recebem kits com medicamentos, seguindo os protocolos do Ministério da Saúde.

“Nos três locais nós atendemos os pacientes com sintomas gripais leves e moderados. Os pacientes têm a oportunidade de receber atendimento médico, realizam exames se necessário, e já saem com medicamentos. É uma ação importante que previne que a doença se agrave,  explica Alessanda Amaral, coordenadora do projeto, que esteve na manhã deste domingo (31) na Escola Estadual Walter Bezerra Falcão, em Ananindeua.

Belém, Pará, Brasil – Ação Itinerante – Escola Walter Bezerra Falcão em Ananindeua – 31/05/2020. Foto: Ricardo Amanajás / Agência Pará.

As estruturas contam com médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e farmácias para entrega de medicamentos. Somente ontem (30), a Ação Itinerante atendeu 115 pessoas em Ananindeua, 170 no bairro do Guamá e 218 na Pedreira, totalizando 503 atendimentos.

O vendedor Osmar Tavares, de 41 anos, estava com sintomas gripais e procurou o atendimento neste domingo na escola, em Ananideua. “Ainda não tinha buscado atendimento médico e estou com todos os sintomas da doença. Fui muito bem atendido recebi atestado e receita médica para me tratar em casa”, disse.

Belém, Pará, Brasil – Ação Itinerante – Escola Walter Bezerra Falcão em Ananindeua – 31/05/2020. Foto: Ricardo Amanajás / Agência Pará.

Preocupada com a possibilidade de transmitir a doença para a filha de cinco anos, a técnica em radiologia Janielle Lima, de 31 anos, também procurou atendimento neste domingo. “Fiquei preocupada porque estou com uma gripe leve e tenho uma filha pequena em casa, então fiquei sabendo da ação e vim me consultar porque estou com sintomas. O bom é que sai com todos os medicamentos. Todos estão de parabéns”, explicou.

Equipes da Sespa, Seplad, Polícia Militar e Fundação Parapaz participam da iniciativa, que oferece ainda máscaras, água e sopão às pessoas que procurarem pelos atendimentos.

Serviço: A Ação Itinerante será realizada até a próxima terça-feira (2), no horário de 8h30 às 17h30, na Escola Estadual Zacarias de Assunção, no Guamá; na Escola Salesiano do Trabalho, na Pedreira; e na Escola Estadual Walter Bezerra Falcão, em Ananindeua.

Texto: Bruno Magno/CPH

Fotos: Marcelo Seabra e Ricardo Amanajás/Ag. Pará

Você pode gostar...