Governo do Pará e Prefeitura abrem novo Hospital de Campanha com 60 vagas em Santarém

A Escola Estadual Maria Uchoa Martins, recentemente reconstruída pelo Governo, receberá a unidade de saúde temporária

Com um cenário preocupante de crescimento dos novos casos de infecção do novo coronavírus (Covid-19), o Governo do Pará e a Prefeitura de Santarém irão abrir 60 novos leitos com a criação de um novo Hospital de Campanha no município. A nova estrutura está em fase de montagem e vai ocupar parte da Escola Estadual Maria Uchoa Martins, localizada no bairro Floresta, a 800 metros do Hospital Regional do Baixo Amazonas.

A nova estrutura temporária hospitalar inicia as atividades de forma gradativa nos próximos 10 dias. O objetivo do Hospital de Campanha é desafogar a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) que, de acordo com o município, realiza atendimento exclusivo para pacientes com Covid-19 e tem apresentados fluxo intenso de atendimentos.

Governador visitou o local na manhã desta terça (26)

Em visita ao local, na manhã desta terça-feira (26), o governador Helder Barbalho ressaltou que o novo hospital é um esforço coletivo do poder público para evitar colapso no Sistema Único de Saúde (SUS). O chefe do Poder Executivo Estadual ressaltou que a escola estadual passou por recente reconstrução e está estruturada para receber o hospital de campanha.

“Estamos iniciando a adaptação desta escola estadual que, recentemente, foi entregue completamente reformada. É uma estrutura preparada para receber 60 leitos. Seguramente, reforçar a estrutura em saúde do município de Santarém desafoga a unidade de pronto atendimento e os leitos clínicos do Hospital Regional, e permite uma ampliação da oferta de leitos para garantir atendimento para todos que precisam”, ponderou Helder Barbalho.

Texto: Leonardo Nunes/Secom

Foto: AD Produções

Você pode gostar...