Igrejas cedem templos para vacinação contra a covid-19 na Região Metropolitana de Belém

Governador Helder Barbalho cumprimenta senhora que buscou vacina na tarde desta quinta-feira (25), na Igreja Universal, em Belém

O governador Helder Barbalho acompanhou na tarde desta quinta-feira (25) a vacinação para idosos com idades a partir de 64 anos, na Catedral da Universal, em Belém. A ação conjunta com a Prefeitura de Belém e as entidades religiosas garante conforto e rapidez para a imunização contra a Covid-19 desse segmento populacional.

“É muito importante as Igrejas abrirem as portas para a vacinação, fazendo esse chamamento para que a população possa se cuidar e se imunizar com conforto, respeito e evitando aglomeração. É a união de todos os esforços para fazer com que a vacina chegue mais rápido para todos. Este é o único caminho para proteger a população, vacinar’’, reforçou o governador.

“Achei uma inciativa importante, abrir as portas da igreja e ajudar o povo que está precisando. Eu agradeço muito a Deus por esse espaço e por essa oportunidade. Estou me sentindo feliz por ter me vacinado e espero que todos consigam’’, disse a aposentada, Maria José da Conceição, logo após se vacinar nesta tarde de quinta-feira, na Igreja Universal, que ela frequenta em tempos normais.

Voluntários da Igreja fornecem apoio estrutural e logístico aos profissionais da saúde que aplicam as vacinas. “Nós visamos à vida, não tem religião, não tem partido. Estamos olhando para cada uma das pessoas que estão padecendo seja no Pará, no Brasil e no mundo. A Igreja Universal se dispôs, desde o pedido do governador para que se abrissem os templos, para que a gente pudesse atender à população, e, imediatamente, nós abrimos as portas, convocamos os voluntários. É o momento de unir forças’’, ressaltou o bispo Eduardo Guilherme.

A campanha de vacinação contra Covid-19, no Pará, ocorre com uma grande operação logística montada pelo Governo do Estado para a distribuição das vacinas disponibilizadas pelo Ministério da Saúde, com envio de remessas pela Secretaria de Estado da Saúde (Sespa) para todas as regiões do Estado.

Ação integrada entre Estado, Prefeitura de Belém e as entidades religiosas acelera a imunização contra a Covid-19 em pessoas idosas

“Nós temos a estratégia de garantir oferta de leitos e ampliar a vacinação para chegar aos grupos de maior risco. Por isso o foco de imunizar as pessoas com 60 anos ou mais no momento. Cientificamente, nós temos acompanhado com os municípios e se percebe uma estabilização no número de pessoas infectadas, esse é o ponto crucial fazer com que haja uma estabilização no número de contágio e na pressão hospitalar’’, afirmou o governador.

No Pará, a Universal cedeu espaços em templos localizados nas cidades de Ananindeua e Marituba, na Região Metropolitana de Belém (RMB).

“Este sentimento de solidariedade entre governos de toda a região metropolitana, o governo do estado e as instituições empresariais e religiosas reforçam os laços de cooperação com a vida. Nesta semana, são mais de 100 mil vacinados entre 60 e 70 anos e conforme vão diminuindo as idades, o número de habitantes aumenta, então ainda há muitos desafios’’, enfatizou o prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues.

Texto: Bruna Brabo/Secom

Fotos: Marco Santos/Ag. Pará

Você pode gostar...