Municípios do Marajó recebem 140 cilindros de oxigênio do Governo do Pará

Sespa garante mais 140 cilindros para distribuição entre os 16 municípios do arquipélago marajoara neste sábado (06)

De forma preventiva, a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) entregou neste sábado (06) 140 cilindros de oxigênio nos 16 municípios que compõem a Ilha do Marajó. Afuá, Cachoeira do Arari, Chaves, Ponta de Pedras, Salvaterra, Santa Cruz do Arari, Breves, Curralinho e Gurupá receberam 10 cilindros cada. Já para Muaná, Soure, São Sebastião da Boa Vista, Melgaço e Portel foram destinados oito cilindros a cada município. Anajás e Bagre receberam cinco unidades, cada.

Rômulo Rodovalho, titular Sespa, explicou a estratégia de preparação de combate ao novo Coronavírus. “É uma medida preventiva do Estado, nós já estamos nos antecipando a qualquer situação que possa vir a ocorrer,  já estamos deixando os municípios abastecidos com oxigênio. Vamos continuar acompanhando e não vamos medir esforços para atender todos os paraenses que necessitem continuar nessa luta contra a Covid”, afirmou o secretário.

O transporte ocorreu via fluvial aos municípios de Ponta de Pedras, Muaná, São Sebastião da Boa Vista, Curralinho e Bagre. Breves recebeu as quantidades destinadas a Gurupá, Afuá, Chaves, Portel, Anajás e Melgaço para ser retirado pelas próprias prefeituras.

O prefeito Guto Gouvea falou sobre a importância do reforço no combate à pandemia. “Esse vírus está chegando em nossa região de forma muito agressiva e o Governo está ajudando os municípios a se preparar para o mal maior – que se Deus quiser não virá, mas temos que estar preparados. Esses cilindros de oxigênio nos ajudarão a ficar com estoque para combater esse mal, caso ele chegue aqui na nossa cidade, com mais o estoque que a prefeitura municipal já se preparou”, informou o prefeito de Soure.

EMERGÊNCIA – Soure recebeu também o quantitativo destinado a Salvaterra, Cachoeira do Arari e Santa Cruz do Arari. A secretária de saúde de Soure, Helena Gomes, falou sobre o momento vivido na região. “Hoje nós estamos em uma missão muito grande e importantíssima que é receber o oxigênio que o Governo do Estado do Pará está doando, que pode nos apoiar no momento de emergência e necessidade. Que possamos ter sempre essa parceria e olhar diferenciado da preocupação do Governo conosco, que moramos tão longe da capital e temos essa dificuldade”, agradeceu a gestora.

O município de Cachoeira do Arari também retirou os de Santa Cruz para agilizar a logística. “Nós também fomos pegar os cilindros de Santa Cruz do Arari, porque fica muito distante, e Santa Cruz agora só por via fluvial, é muito longe. Então a secretária está doente e não pode vir, então nós nos prontificamos a ir pegar lá (em Soure) e vamos deixar em Cachoeira e eles vêm pegar depois”, detalhou Jair Moreira, secretário municipal de Saúde.

Texto: Dayane Baía/Secom

Você pode gostar...