Sespa ministra oficina de Vigilância e Controle das Doenças Endêmicas em Marabá

Sespa ministra oficina de Vigilância e Controle das Doenças Endêmicas em Marabá

13 de setembro de 2021 Off Por Roberta Vilanova

A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), por meio do Departamento de Controle de Endemias, iniciou nesta segunda-feira (13) em Marabá, na região Sudeste, a Oficina de Vigilância e Controle das Doenças Endêmicas (DCE), destinada às equipes do 11º Centro Regional de Saúde e dos 21 municípios de abrangência. O objetivo é atualizar os coordenadores e profissionais de saúde sobre condutas nas ações de Vigilância Epidemiológica e manejo das principais endemias que afetam a população paraense – doença de Chagas, arboviroses (dengue, chikungunya, zika) e malária.

“É importante que os profissionais estejam sempre atualizados, para que as ações de controle, diagnóstico e tratamento das doenças alcancem melhores resultados”, frisou a coordenadora Estadual de Arboviroses, Aline Carneiro, responsável pela coordenação da oficina.

A oficina em Marabá é ministrada por técnicos da Sespa

Conteúdo – O evento prossegue até dia 17 de setembro (sexta-feira), na Secretaria Municipal de Saúde de Marabá (Semec), com a participação de coordenadores da Atenção Primária em Saúde, coordenadores de Vigilância Epidemiológica, médicos, enfermeiros e farmacêuticos.

Paralelamente, também estão sendo realizadas palestras para os acadêmicos de medicina e enfermagem da região. No primeiro dia de oficina foram abordados os temas “Plano de Fluxo de Medicamentos do DCE” e “Leishmaniose: Vigilância e Controle”.

Nesta terça-feira (14) serão abordados os temas “Doença de Chagas: Vigilância e Controle” e “Zoonoses: Vigilância e Controle”; no dia 15 de setembro, “Arboviroses: Vigilância e Controle”; no dia 16, “Malária: Vigilância e Controle”, “Potencial Malarígeno” e “Malária: SIES, Sivep (malária/vetores)” e “Planilhas Eletrônicas”, e no dia 17 de setembro, “Conduta médica em diagnóstico, tratamento e acompanhamento das doenças endêmicas”.

Texto: Roberta Vilanova/Sespa
Fotos: Divulgação