No Hospital Oncológico Infantil, ‘Novembro Sempre Azul’ reforça cuidado com a saúde do homem

No Hospital Oncológico Infantil, ‘Novembro Sempre Azul’ reforça cuidado com a saúde do homem

18 de novembro de 2021 Off Por Roberta Vilanova

Hospital Oncológico Infantil se junta à campanha nacional para incentivar o autocuidado entre os homens

A Campanha “Novembro Sempre Azul”, desenvolvida no Hospital Oncológico Infantil Octávio Lobo, em Belém, integra a programação de novembro para reforçar o cuidado com a saúde do homem. A área de Medicina do Trabalho do Hospital vem desenvolvendo ações para sensibilizar os profissionais do sexo masculino para a realização do autocuidado, o que envolve exames preventivos, alimentação saudável e prática regular de exercícios físicos, atividades que garantem bem-estar e qualidade de vida.

A adesão ao movimento nacional “Novembro Azul” inclui o uso de camisetas azuis nas sextas-feiras do mês pelos funcionários; rodas de conversas em todos os turnos de trabalho e compartilhamento de vídeos educativos, para sensibilizar os profissionais para a importância da prevenção e do diagnóstico precoce.

Nesta sexta-feira (19), Hospital Oncológico Infantil promoverá coleta de sangue entre os funcionários, homens com 50 anos ou mais, para a realização do exame PSA (Antígeno Prostático Específico). Este exame é usado principalmente para rastreamento do câncer de próstata em homens assintomáticos.

O administrador Carlos Magno, 44 anos, que atua como trainee no Hospital, participou das rodas de conversa, e manifestou sua preocupação com a saúde, por ter ocorrido um caso de câncer em sua família. “A gente precisa evitar o machismo e quebrar o tabu com muito diálogo, o que pode conscientizar quanto ao autocuidado e não deixar de frequentar o médico. Temos muitos avanços na medicina, e podemos contar com cuidados que podem prevenir o câncer”, enfatizou.

Outra ameaça – De acordo com o médico Márcio Maués, do Setor de Medicina do Trabalho do “Oncológico Infantil”, o homem precisa ter cuidados essenciais para a manutenção da boa saúde, e evitar outro sério tipo de câncer, que ainda é pouco divulgado. “Além do problema do câncer de próstata, o homem deve ter cuidado com o câncer de pênis, o que envolve faixas etárias distintas. A causa desse tipo de câncer está associada com a fraca higiene íntima e infecção pelo HPV (Papiloma Vírus Humano), por exemplo, o que difere do câncer de próstata”, alertou o médico.

Dados publicados pela Inca (Instituto Nacional do Câncer), mostram que o câncer de pênis tem maior incidência em homens a partir dos 50 anos, embora possa atingir também os mais jovens.

No Brasil, esse tipo de câncer representa 2% de todos os cânceres que atingem o homem, sendo mais frequente nas regiões Norte e Nordeste. Em 2019, a doença provocou a morte de 458 homens.

Inaugurado em 2015, o Hospital Oncológico Infantil Octávio Lobo pertence ao Governo do Pará, sendo gerenciado pela entidade filantrópica Pró-Saúde. É referência no Pará no tratamento contra o câncer em crianças e adolescentes de 0 a 19 anos. Em média, a unidade atende cerca de mil pacientes por mês, entre consultas, atendimentos ambulatoriais, exames e cirurgias.

Texto: Emanuel Jadir/Hospital Oncológico

Foto: Divulgação