Sespa faz atendimento de saúde à população negra para celebrar o dia 20 de Novembro

Sespa faz atendimento de saúde à população negra para celebrar o dia 20 de Novembro

20 de novembro de 2021 Off Por Roberta Vilanova

A programação contou com ações de saúde e palestras sobre saúde do homem e combate ao racismo

A Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará (Sespa), por meio da Coordenação Estadual de Saúde Indígena e Povos Tradicionais (CESIPT), promoveu neste sábado (20) uma programação alusiva ao Dia da Consciência Negra. O “Novembro Negro” inseriu, pela primeira vez, ações de saúde para os povos de matrizes africanas. “Nós buscamos hoje, junto a uma equipe multiprofissional, um atendimento humanizado, respeitando a interculturalidade da saúde e a diversidade religiosa da população que buscou assistência. Trata-se de uma iniciativa inovadora e que traz resultados muito positivos”, explica Tatiany Peralta, Coordenadora da CESIPT.

A programação contou com ações de saúde e palestras sobre saúde do homem e combate ao racismo e aconteceu na casa do BabÁ Edson Catendê no Conjunto Maguari, em Belém. Foram realizadas consultas entre atendimentos clínicos, pediátricos e ginecológicos. Além disso, também foram realizados testes rápidos para sífilis, HIV e hepatite. Além de encaminhamentos para consultas na rede pública de saúde com outras especialidades, como a urologia.

Quem foi ao local também contou com serviço de design de sobrancelha e limpeza de pele,  com foco na valorização do auto-cuidado das mulheres negras. “Nossa intenção, além de trazer saúde, é fortalecer a auto-estima da população negra, valorizando a cultura e sua ancestralidade. O balanço que fazemos hoje é que levar ações aos povos de terreiro propicia um maior acesso da comunidade negra aos serviços de saúde, colocando em prática a atenção à saúde integral da população negra no nosso Estado. O dia de hoje marca 50 anos de luta do movimento negro no Brasil, especialmente pelo reconhecimento que é necessário reformularmos nossas estratégias de ações para que todos sejamos iguais, de fato”, afirma Patrícia Gomes, assistente social da CESIPT.

PARCERIA – A ação é uma parceria com o Programa Ter Saúde/Sespa e vai fazer parte do planejamento de ações para a população negra, específica dos Povos de Matrizes Africanas (Potmas), que fará parte do cronograma anual para 2022 da CESIPT. “É muito importante quando levamos ações como essa para a população, especialmente no dia de hoje, pois ter acesso a saúde pública é um direito de todos e todos merecem ter sua cultura e tradições valorizadas”, disse o secretário de Saúde do Estado, Rômulo Rodovalho.

Neste domingo (21) a ação acontece no Instituto Afro Brasileiro Imaculada Conceição, em Ananindeua. A programação vai oferecer gratuitamente serviços de consultas ginecológicas e clínica geral, além de assistência farmacêutica, testes rápidos, distribuição de kits de saúde bucal, emissão de RG e certidões de nascimento e óbito.

SERVIÇO
Quando: domingo (21/11)
Local: Passagem Santo Antônio 23-B, fundos. Bairro do Icui-Guajará.

Texto: Caroliny Pinho/Sespa
Foto: Divulgação