HGT encerra “Outubro Rosa” com oferta de exame de mamografia até final do ano

HGT encerra “Outubro Rosa” com oferta de exame de mamografia até final do ano

30 de outubro de 2021 Off Por Roberta Vilanova

A programação foi ecerrada com a oferta de 100 exames de mamografia

Após um mês inteiro dedicado à campanha do Outubro Rosa, em combate ao câncer de mama, a equipe multiprofissional do Hospital Geral de Tailândia (HGT) encerrou as ações com a oferta de 100 exames de mamografia às mulheres da cidade e de municípios da mesorregião do nordeste paraense. A gestão do HGT ofertou um total de 300 exames de mamografia, 100 para os meses de outubro, novembro e dezembro.

A oferta desse exame teve como público alvo mulheres de 50 a 69 anos sem sintomas, ou mulheres de qualquer idade que tenham notado alterações sugestivas de câncer de mama. Outubro foi um mês intenso de atividades de educação em saúde com palestras diárias, distribuição de material educativo e atividades lúdicas para evidenciar a importância do diagnóstico e tratamento precoce da doença que é causada pela multiplicação desordenada de células anormais da mama, formando um tumor com potencial de invadir outros órgãos.

Genovi Salete foi uma das beneficiadas pela ação de responsabilidade social do HGT

A dona de casa Genovi Salete foi uma das beneficiadas pela ação de responsabilidade social do HGT. “O diagnóstico precoce ajuda a salvar vidas e, diante desse diagnóstico, podemos ter maior chances de cura e evitar enfrentar um tratamento mais agressivo da doença”.

Segundo a enfermeira Ana Paula Mendes, todo ano o HGT adere ao Outubro Rosa, cumprindo seu papel de responsabilidade social e com a saúde pública da região. “As mulheres têm que se prevenir todo ano, mas em outubro é um momento especial. As mulheres devem conhecer o seu corpo, suas mamas. Observem qualquer alteração, nódulo. O importante é procurar atendimento para diagnóstico precoce, periodicamente. Existem muitas formas de prevenção uma delas é atividade física regular”.

Maria Antônia mantém rotina de cuidados

A usuária Maria Antônia, 50 anos, tem histórico de câncer na família e perdeu duas tias e uma prima vítimas do câncer de mama. Por isso, mantém seu exame de mamografia, anualmente. “Muitas mulheres chegam a perder os seios. Prefiro me cuidar para não passar por isso ou coisa pior. Agradeço por esta ação do HGT ajudando muitas mulheres”.

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde (Sespa), no Pará, o câncer de mama tem registrado ligeira queda: em 2019, foram 677 casos e desceu para 646 ocorrências em 2020. Neste ano, até o momento, já são 299 casos. Por faixas etárias, a incidência da doença tem sido maior entre mulheres de 50 a 59 anos (28%), seguidas por 40 a 49 anos (27%) e 60 a 69 anos (21%), levando em conta os casos ocorridos entre 2019 e 2020.

Em relação à mortalidade, 315 mulheres foram a óbito em 2019, seguidas de mais 330 no ano passado. Em 2021, 216 já perderam a vida para a doença.

Hospital Geral de Tailândia (HGT)

A programação do Outubro Rosa foi organizado pelo Grupo de Trabalho de Humanização (GTH) com apoio dos demais setores do HGT.

Dadosn – Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), hábitos saudáveis podem reduzir incidência de câncer de mama em 13% e poupar mais de R$ 100 milhões do SUS. Esse montante poderia ser reinvestido na prevenção primária.

Serviço: o Hospital Geral de Tailândia é um órgão do Governo do Pará, administrado pelo INDSH, em parceria com a Sespa. A unidade fica na Avenida Florianópolis, s/n, no Bairro Novo. Mais informações pelo fone (91) 3752-3121.

Texto: Vera Rojas/HGT
Fotos: Divulgação