Pará recebe 36ª remessa de vacinas contra Covid-19 nesta sexta-feira

Pará recebe 36ª remessa de vacinas contra Covid-19 nesta sexta-feira

25 de junho de 2021 Off Por Roberta Vilanova

Chegada de novas doses de vacina contra a Covid-19

O Pará recebeu no início da tarde desta sexta-feira (25) mais um lote de vacinas contra Covid-19. Essa é a 36ª remessa que desembarca na capital paraense, enviada pelo Ministério da Saúde, com 76.050 doses da vacina Pfizer produzida em parceria com a empresa alemã BioNTech.

No total, o Pará já recebeu 4.200.510 doses, sendo 1.378.440 da CoronaVac, 2.419.450 da Oxford/AstraZeneca, 352.170 da Pfizer e 50.450 da Janssen.

Nesta remessa, as doses da vacina Pfizer foram divididas entre os municípios de Belém, Ananindeua, Benevides, Marituba e Santarém.

Por questões técnicas e condições do próprio fabricante, a vacina da Pfizer exige um transporte e armazenamento diferenciados. A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) também vem estudando as condições de estrutura de outras cidades para também receber as vacinas da  Pfizer, já que os imunizantes precisam de condições específicas de armazenamento.

Ao chegar em Belém, as doses da vacina foram transportadas em caminhão isotérmico, que atinge temperaturas de até -20 graus.

“A execução da vacinação é uma responsabilidade das secretarias municipais de saúde. A Sespa está viabilizando a campanha junto aos municípios, mas nós reforçamos que mesmo com o avanço da vacinação no estado, a população deve continuar fazendo a sua parte sem deixar de lado os cuidados com a higienização das mãos, assim como distanciamento social, uso de álcool em gel e máscara”, reforça o secretário de Saúde do Estado, Rômulo Rodovalho

Vacinômetro – Até a manhã desta sexta-feira (25), segundo a página do Vacinômetro, o Estado vacinou 2.461.516 pessoas com a primeira dose e 1.029.977 com a segunda dose. As informações sobre vacinação são fornecidas pelas secretarias municipais de Saúde e a população pode acompanhar o andamento da campanha, em todo o estado, através da página do vacinômetro (www.saude.pa.gov.br/vacinometro).

Texto: Melina Marcelino/Sespa